Archive for Rockabilly

Próximos Shows de Rockabilly em Sampa

No mês de fevereiro, o projeto Só Vale se Dançar!, promovido pelo SESC Ipiranga, traz duas bandas de rockabilly que ganham destaque no cenário nacional. As apresentações serão nos dias 23 e 24, às 20h. A entrada é gratuita, com retirada de ingressos 1 hora antes na bilheteria da unidade.

O Crazy Legs Trio é uma das bandas pioneiras de rockabilly no Brasil. Com influências de nomes como Elvis Presley, Eddie Cochran e Johnny Cash, o nome do trio é uma homenagem à música Crazy Legs, de Gene Vincent. Formado em 1996, o grupo já tem cinco discos lançados com músicas autorais. O último álbum, Green Men From Mars (2009), contou com a participação de Kid Vinil no videoclipe. A banda já se apresentou em eventos na Europa e nos Estados Unidos, onde tocaram no Viva Las Vegas, um dos maiores eventos do gênero no mundo. Formado por Sonny (baixolão), Caio Durazzo (vocal e guitarra) e Fabio McCoy (bateria), mesclam o clássico rockabilly com influências do country music.

Alex Valenzi & The Hideaway Cats foi formado em 1993 em Memphis (EUA) e sofreu forte influência de artistas de décadas passadas, como Big Joe Turner, Jerry Lee Lewis e Stray Cats. A banda já se apresentou com grandes nomes da música como Jerry Lee Lewis e Slim Jim Phantom (guitarrista do Stray Cats). Misturando rockabilly, boogie-woogie, swing, country music e rhythm and blues, neste show o grupo apresentará canções autorais e clássicos dos anos 50.   

Anúncios

The Puppini Sisters – Hollywood

Já falamos aqui sobre as meninas do “The Puppini Sisters”. Agora elas estão devolta com um novo cd, Hollywood. O estilo super retrô que remete ao Jazz e ao som das Big Bands dos anos 30 continua o mesmo. As regravações também continuam presentes. Canções como “Diamonds Are A Girl’s Best Friend”, “Get Happy” e “Hollywood”, apenas para citar algumas, merecem atenção e são alguns dos destaques deste novo álbum.

As moçoilas também cantaram com Michael Bublé em um especial de Natal da emissora NBC:

 

Música do Dia: Elvis Presley – That´s All Right Mama

Well, that’s all right, mama
That’s all right for you
That’s all right mama, just anyway you do
Well, that’s all right, that’s all right.
That’s all right now mama, anyway you do

Mama she done told me,
Papa done told me too
‘Son, that gal your foolin’ with,
She ain’t no good for you’
But, that’s all right, that’s all right.
That’s all right now mama, anyway you do

I’m leaving town, baby
I’m leaving town for sure
Well, then you won’t be bothered with
Me hanging ‘round your door
Well, that’s all right, that’s all right.

The Baseballs & The Hillbilly Moon Explosion

Para quem curte rockabilly, estes dois grupos são ótimas pedidas! Já falamos dos alemães do “The Baseball” aqui e do “The Hillbilly Moon Explosion” aqui. E os dois chegam com novidades que valem a pena ouvir. O The Baseballs lançou o delicioso “String’s N Stripes” com versões de músicas que fizeram muito sucesso e que ficaram ainda melhores na versão rockabilly:

O The Hillbilly Moon Explosion lançou “Buy, Beg or Steal” . Continua com as melodias inspiradas no blues, meio anos 30, super retrô, mas com pitadas de country music. As músicas continuam muito boas e não deixam nada a desejar em relação aos álbuns anteriores:

Destaque para “My Love For Evermore”:

E para “Natascia”:

O Rockabilly Nacional

O rockabilly é um estilo musical originário dos Estados Unidos e que carrega muita história, tanto musical quanto social (leia mais…). Depois de seu auge na década de 1950, o rockabilly sempre conquistou adeptos e lançou muitas bandas e hits que entraram para a história da música. Hoje em dia é muito comum bandas do mundo todo que cultivam o estilo rockabilly de ser e que continuam perpetuando o velho e bom rock and roll. O Brasil não se livrou desta tremenda febre. Temos muitos rockers, rodders, pin-ups e admiradores deste ritmo tão rebelde e dançante aqui no país. E principalmente, vários nome que representam muito bem a parcela rockabilly do mundo underground. Não conseguiremos citar todos, mas muitos merecem destaque pelo ótimo trabalho realizado ao longo de anos de carreira e continuarão por aí, rockabilizando:

Crazy Legs Trio

O nome do trio é em homenagem à música Crazy Legs de Gene Vincent. Os integrantes Sonny Rocker e McCoy se conheceram em 1993 em uma loja da galeria do rock. A partir daí formaram a banda Outsiders com mais dois amigos, que durou até 1996. O crazy Legs surgiu em 1996 e o integrante Carl Horton entrou para o grupo em 2005. Eles já se apresentaram em vários Estados do Brasil e em outros países, sendo sempre disseminadores do bom e velho rock and roll.  Com mais de cinco álbuns lançados com composições próprias e de extrema qualidade, o Crazy Legs Trio conquista cada vez mais espaço no mundo musical alternativo (thanks God!) e muitos fãs! Para saber um pouco mais sobre a carreira deste grupo e de seus integrantes que, além da bandam desempenham outras atividades super interessantes, acessem o site do Crazy Legs.  A próxima parada dos rapazes será em Las Vegas, no final de abril. Eles realmente detonam!

Henry Paul Trio

Outro grupo de grande representação deste cenário é o Henry Paul Trio!
É formado por Henry Paul (Vocal,Guitar) Drikat Crash (Stan up Drums) e Jimmy Black (Slap Bass) (formação desde 2006). Não poderia deixar de destacar a presença de uma mulher Drikat, nas bateras, pois é muito bacana ver as mulheres tão bem representadas. O grupo surgiu em 2002 e de lá pra cá vem ganhando cada vez mais espaço. Além de se apresentasr em vários eventos rockabilly na cidade de São Paulo e outros estados , o grupo já tocou ao lado de nomes como o famoso baterista do Stray Cats: Slim Jim Phantom (Virada Cultural 2011). É possível apreciar o trabalho deles no Metrô Pub, que fica na Guilhermina Esperança (próximo ao metrô), todas às quintas, à partir das 20hs. O Henry Paul Trio lançou recentemente um trabalho com composições próprias intitulado “To Renew” e que vale muito a pena conferir. Além de ótimas músicas, as apresentações do grupo contam com uma energia contagiante. Impossível ficar parado!!! Para saber mais sobre o trabalho deles acesse o Blog do HENRY PAUL TRIO

Hillbilly Rawhide

É claro que o cenário rockabilly não se limita a São Paulo. Descendo um pouco, chegaremos em Curitiba, capital do Psycho Carnival, evento que reúne várias bandas do estilo Rockabilly e Psychobilly, além de outras vertentes. É o caso da banda Hillbilly Rawhide. Criada em 2003, a banda consegue misturar de maneira harmoniosa vários estilos: Country-Western-BoogieWoogie-Psychobilly-Bluegrass-Blues. Além de repertório próprio, clássicos como Johnny Cash, Hank Williams, Jerry Lee Lewis e Motorhead, entre outros, completam o set list dos shows que são feitos em Curitiba e em vários estados. O Hillbilly Rawhide já possui alguns álbuns gravados, entre eles o ótimo “Ramblin Primitive and Outlawi“. Para saber mais acesse o site do Hillbilly.

Temos vários nomes que mercem destaque:

Old Stuff

The Red Light Gang

Com certeza falaremos mais sobre o cenário underground e alternativo nacional, dando destaque para o trabalho das bandas, é só aguardar!

Música do Dia: Bill Haley – Rock Around The Clock

One, two, three o’clock, four o’clock rock,
Five, six, seven o’clock, eight o’clock rock.
Nine, ten, eleven o’clock, twelve o’clock rock,
We’re gonna rock around the clock tonight.
Put your glad rags on and join me hon’,
We’ll have some fun when the clock strikes one.

We’re gonna rock around the clock tonight,
We’re gonna rock, rock, rock, ‘till broad daylight,
We’re gonna rock we’re gonna rock around the clock tonight.

When the clock strikes two, three and four,
If the band slows down we’ll yell for more.

When the chimes ring five, six, and seven,
We’ll be right in seventh heaven.

When it’s eight, nine, ten, eleven too,
I’ll be goin’ strong and so will you.

When the clock strikes twelve we’ll cool off then,
Start rockin’ ‘round the clock again.

Homenagem ao Crazy Legs Trio

Vídeo em homenagem a uma das melhores bandas de rockabilly do Brasil e, porque não dizer, do mundo: CRAZY LEGS TRIO!!!

The Hillbilly Moon Explosion

O “The Hillbilly Moon Explosion” é formado por Oliver e Emanuela, que antes de formarem o grupo faziam parte de outros projetos musicais como o “Headhunters”, antiga banda de Oliver. Em 1998, gravaram uma demo com quatro faixas, que teve um relativo sucesso. Encontraram um baterista e um guitarrista para excursionar fazendo vários shows ao longo dos anos!

Depois dos Estados Unidos foi a vez de conquistar a Europa com muito sucesso. O segunda disco “Bourgeois Baby” foi lançado em 2004. Em 2010 foi a vez do álbum “Raw Deal” com hits como “Chick Rabit”, “Manic Lover” e “Brown Eyes Boy”.

O grupo se inspira no rockabilly e no blues em suas gravações e composições. Pitadas super retrôs que deixam as músicas mais divertidas e ao mesmo tempo românticas! A formação atual é Emanuela na guitarra base e vocal, Lucas na bateria, Oliver no baixo e vocal principal e James Duncan na guitarra.

Música do Dia: Imelda May – Tainted Love

Tainted Love, da dupla de Synthpop  Soft Cell, ganhou uma versão rockabilly na voz da  cantora Imelda May (leia mais…)

Imelda May

Sometimes I feel I’ve got to
Run away I’ve got to
Get away
From the pain that you drive into the heart of me
The love we share
Seems to go nowhere
And I’ve lost my light
For I toss and turn I can’t sleep at night

Once I ran to you (I ran)
Now I’ll run from you
This tainted love you’ve given
I give you all a boy could give you
Take my tears and that’s not nearly all
Oh… tainted love
Tainted love

Now I know I’ve got to
Run away I’ve got to
Get away
You don’t really want any more from me
To make things right
You need someone to hold you tight
And you think love is to pray
But I’m sorry I don’t pray that way

Don’t touch me please
I cannot stand the way you tease
I love you though you hurt me so
Now I’m going to pack my things and go
Tainted love, tainted love
Touch me baby, tainted love

Tainted love

Música do Dia: Brian Setzer – Summertime Blues

A música do dia hoje é para fazer você dançar!!! Para saber um pouquinho mais sobre o Brian Setzer e o Stray Cats, dá uma olhada neste post aqui.

Brian Setzer

I’m gonna raise a fuss
I’m gonna raise a holler
A-but-a workin’ all summer
Just-a trying to earn a dollar
Every time I call my baby
And ask her to date
My boss says “Uh duh son
You gotta work late”
Sometimes I wonder
What I’m-a gonna do
But there ain’t no cure
For the summertime blues

Well my mama papa told me
“Son, you gotta make some money”
If you wanna use the car
To go ridin’ next Sunday
Well, I didn’t go to work
So my pa said I was sick
“You can’t use the car
‘Cuz you didn’t work a lick”
Sometimes I wonder what I’m-a gonna do
But there ain’t no cure
For the summertime blues

Gonna take two weeks
Gonna have a fine vacation
I’m gonna take my problem
Through the United Nations
I called up my congressman
And he said
“I’d like to help you Sonny
But you’re too young to vote”
Sometimes I wonder what I’m-a gonna do
But there ain’t no cure
For the summertimes blues

« Previous entries